quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Projeto Sampa - Paraty, RJ 2015.








Bom pessoal, faltam poucos dias para uma nova cicloviagem, embora seja um caminho que eu já fiz várias vezes em anos anteriores.




Escolhi esse trajeto e destino (São Paulo a Paraty, via Rodovia dos Tamoios​​ e Rio-Santos) por ser todo em asfalto. Como em março praticamente fará um pouco mais de um ano que eu não cicloviajo, fazer um trecho já conhecido é mais salutar em virtude do despreparo físico e alguns problemas de saúde que ainda me restam.

As cidades chaves ao longo do caminho são: São Paulo, Mogi das Cruzes, Salesópolis, Paraibuna, Caraguatatuba, Ubatuba, em São Paulo e Paraty, no Rio de Janeiro.

Paradas programadas para Salesópolis ou Paraibuna, dependendo do meu estado físico. Ubatuba e Paraty, RJ.

Caso houver qualquer problema comigo ou com familiares a saída será sair de Caraguatatuba no sentido Ilhabela e de lá retornar para minha casa. Senão, o trajeto e destino do projeto serão mantidos.

Por razões de segurança, provavelmente o trecho entre São Paulo e Mogi das Cruzes farei de trem da CPTM. Tenho ouvido muitos boatos de assaltos á mão armada tanto na ciclovia do Parque Ecológico do Tietê, quanto na Rodovia Airton Senna. Se assim o fizer, como o trecho de Mogi a Salesópolis vai ficar muito curto, talvez eu só pare para pouso na Rodovia dos Tamoios, ou volte para Paraibuna (18 km), onde posso acampar no Pesqueiro Mandizeiro e rever os bons amigos que lá residem.

Bom, já estou nos preparativos, haja vista que o mês de fevereiro já termina no próximo sábado. No que tange á alimentação terei que fazer muitas mudanças, pois agora sou portador de diabetes e não posso comer os mesmos alimentos que comia antes. Bebidas alcoólicas nem pensar! 

Uma pena, mas encontrei um probleminha na Nanika que terei que resolver antes da cicloviagem: O pneu Schwalbe Marathon da roda traseira está com um corte que chega na lona. Não é um corte grande, mas como a bike irá carregada, pode apresentar problemas e até estourar. Vou colocar um Kenda 20 X 1.5, que já possuo, na frente e passar o Maxxis 20 X 1.85 para trás. No mais, a Nanika está perfeita para essa pequena cicloviagem. Não vou trocar o guidão, voltando para o butterfly. Vou usar esse de MTB que está instalado mesmo. Gosto de variar de vez em quando.




O frio na barriga, devido a grande ausência das cicloviagens, já está se instalando. Mas eu estou ávido em fazer essa e outras cicloviagens. Descer a serra da Tamoios de bike é muuuiiito bom!

O que muita gente não sabe é que cicloturismo não é simplesmente partir do ponto A e chegar ao ponto B, de bicicleta.
É uma paixão verdadeira, uma vontade de estar em plena sintonia com a natureza.
É um misto de prazer e aventura que nos move para o desconhecido.

Não se trata de provar alguma coisa para alguém ou para si mesmo. 
Não é competição, portanto não importa quanto tempo a gente leve para chegar ao destino, o importante e estar em pleno acordo com a Natureza, fazer parte dela no tempo e no espaço.

Experimente, depois de um dia de pedal, tomar um banho, sentar no chão, na porta de sua barraca e preparar um belo jantar em sua espiriteira. É mágico!





​Jantar com​ orquestra? Ah, ​com certeza ​vais ouvi​-la nos seus próprios pensamentos acompanhados dos sons dos grilos, das corujas​,​ ou do mar, enquanto a noite, ​cheia de estrelas, ​vai chegando com uma preguiça danada.

Bom gente, desta vez pretendo gravar a descida da serra, portanto aguardem a minha volta com vídeo e muitas fotos novas.

Por ora, agradeço por prestigiar o nosso Blog e até a volta!


Grande cicloabraço do...








4 comentários:

Fábio Pereira disse...

Aeeew!

Antigão's Back to Business!!!

Bem vindo de volta à estrada!

Mário Trindade disse...

Boa viagem.

joaozinho menininho disse...

Boa viagem Sr. Waldson...
toda energia positiva!!!!

Já tem data de partida?

Cicloabraços
Joãozinho

Waldson Gutierres disse...

Fábo, Mário e Joãozinho, obrigado pelas palavras de incentivo.

Já tenho sim, a data da partida, mas por razões de segurança não posso divulgá-la aqui. Sabe como é, o Blog é público e o nosso país anda sacudido por roubos e muita violência.

Grande cicloabraço aos três!