domingo, 11 de outubro de 2015

Parque Ecológico do Tietê: Só alegria!


Olás, meus amigos e minhas amigas!
Boa tarde!

Sabe aquele domingo que dar glórias a Deus é muito pouco? Sim, esse está sendo o meu domingo de hoje.
Até que não levantei muito inspirado, pois havia dormido muito tarde e às 6:30 da manhã o celular me despertou. Mas assim que lavei o rosto parece que o sono foi embora e a pedalada dominical que eu prometera a mim mesmo estava de pé.
Fiz a minha oração, tomei meus remédios e o café da manhã e saí. Na saída ainda tive tempo de ver a danada da minha amiga e consumidora de minhocas, a Sra. Sabiá, arrancando os anelídeos da terra que cobre os meus canteiros. Assim que me viu, bateu asas com uma suculenta minhoca no bico e desapareceu.

Enchi  bem os pneus da Nanika e sentei a bota! A miudinha rolava tão bem que parecia nem estar tocando no asfalto.

A temperatura estava bem agradável e pedalar era a melhor coisa que um sujeito como eu poderia fazer naquela manhã. Olhei no relógio, estava próximo das 8 horas. Até que não era tão cedo, pensei. Mesmo assim, as Avenidas Rio das Pedras, 19 de Janeiro e Cons. Carrão estavam bastante desertas, do jeito que um pedalante gosta.
17 Km depois, eu estava chegando no Parque Ecológico do Tietê.

Lateral da Marginal do Tietê


Entrada do Parque Ecológico. Á direita, início da "ciclovia".


Assim que cheguei na portaria lembrei do tombo de 15 dias atrás. acabei sorrindo, fazer o quê?

Peguei aquilo que um dia a gente podia chamar de ciclovia e quanto estava quase chegando no interior do Parque, eis que ouço um biker que vinha no sentido contrário gritar: "Antigão!!!, Antigão!!!" Parei a Nanika imediatamente. O biker, que havia passado por mim, fez meia volta e veio ao meu encontro. Tratava-se do Dario, um ciclista seguidor do nosso Blog. Ah, como é gratificante conhecer um amigo virtual pessoalmente! Obrigado, Dario, pela sua amizade e por acreditar em nós, prestigiando o nosso Blog.

Uma selfie dupla. O Dario e eu.


Já dentro do Parque, o ar estava um bálsamo para os pulmões!


Aproveitei para bater umas "chapas" como diz um amigo cicloturista.










Vi muitos Quatis, Macacos e, quando estava quase de saída, um belo Cardeal enfeitava um arbusto com seu colorido todo especial.

Observem essa beleza de flor. Não sei o nome, mas ficou show como pano de fundo para a Nanika, hehehe!


Um close das flores.


Dei apenas duas voltas no Parque. Mais ou menos 10 Km.
O Parque Ecológico do Tietê é todo plano. Para quem está voltando a pedalar; se recuperando de cirurgia, etc. é bom porque não força a musculatura. Como eu observei acima, da minha casa até o Parque são 17 Km praticamente plano. Assim, como fiquei uns 15 dias totalmente em repouso, foi uma boa ter escolhido o Parque Ecológico como local da pedalada neste domingo.

No caminho de volta ainda parei em dois lugares. Primeiro, numa feira-livre para pegar um pouco de legume e verduras e segundo no Residencial onde a Mamis está, para pegar uma receita médica. 
Cheguei em casa por volta das 11:30, após pedalar pouco mais de 44 Km.



Do portão, antes mesmo de entrar, pude sentir aquele aroma agradabilíssimo do almoço preparado pela Dna. Fátima.
O domingo estava supimpa! Mas, pera aí, tem mais! Entrei em casa e antes mesmo do banho peguei o glicosímetro e fui tirar o dextro. Resultado: 157 mg/dl. Dei um glória a Deus bem alto!
Depois de mais de um mês com a glicemia totalmente descompensada, agora eu estava vendo a vitória no visor do aparelho!
Obrigado Papai do Céu por mais vitória! Nem comentei com ninguém, mas no início da semana cheguei a registrar 452 mg/dl!!! 
Louvai ao SENHOR. Louvai ao SENHOR, porque ele é bom, porque a sua misericórdia dura para sempre.
Salmos 106:1

E assim cá estou eu feliz da vida dando este testemunho das bençãos divinas.

Um pedal dominical para ninguém botar defeito, hehehe!

Amanhã, feriado, pode ter mais pedaladas, vamos ver. O importante é viver cada dia.





4 comentários:

Unknown disse...

É bom saber que Você esta bem e voltando a pedalar. Deus te abençoe sempre!!!!

Gilmar Doistempos disse...

Legal Waldson, parabens pelo pedal :)

Me parece que o cardeal te passou a perna,
nem o sombra conseguiu fotografa-lo ;)

[]s

Dario Gentil disse...

Antigão, também fiquei muito feliz em te conhecer pessoalmente.
Quem sabe ainda faremos um pedal juntos!
Grande abraço
Dario

Rony souza disse...

Saúde antigao